fechar
fechar

Consórcio Machadinho

Meio Ambiente

Usina Hidrelétrica Machadinho

A Usina Hidrelétrica Machadinho - Carlos Ermírio de Moraes (UHE Machadinho) está localizada na divisa dos estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, entre os município de Piratuba (SC) e Maximiliano de Almeida (RS). O empreendimento começou a operar em fevereiro de 2002, utilizando o potencial hidrelétrico do Rio Pelotas, principal afluente do Rio Uruguai, que forma uma das maiores bacias hidrográficas do Sul do Brasil.

Considerada um marco na história das hidrelétricas brasileiras, sua construção foi resultado do esforço conjunto de acionistas, dos parceiros em todas as fases do empreendimento, dos governantes e de uma equipe de profissionais que possibilitou sua construção em tempo recorde, com uma antecipação de 17 meses em relação ao cronograma original.

Com três unidades geradoras de 380MW, a UHE Machadinho tem potência instalada de 1.140MW, o que corresponde a cerca de 37% da demanda de energia do estado de Santa Catarina ou 23% do total consumido pelo estado do Rio Grande do Sul. Comparada a outros empreendimentos do setor, a capacidade de geração da UHE Machadinho é considerada elevada em relação à área de seu reservatório, que tem 500 quilômetros de perímetro e abrange, além de Piratuba e Maximiliano de Almeida, outros oito municípios: Capinzal, Zortéa, Celso Ramos, Campos Novos e Anita Garibaldi, em Santa Catarina, e Machadinho, Barracão e Pinhal da Serra, no Rio Grande do Sul.

O principal objetivo da Usina é suprir o mercado de ener­gia elétrica do Sistema Interligado Nacional (SIN) por meio do Subsistema Sul, sempre prezando pela responsabilidade socioambiental e pela qualidade estabelecida nas normas. É certificada pelas normas ISO 9001,  ISO 14.001 e BS OSHAS 18001.